Depilação na gravidez com cera: cuidados, dicas e passo a passo

Durante o período da gestação, muitas mulheres desejam continuar com uma rotina de cuidados semelhante a anterior. Elas buscam também se preparar para o momento do parto da melhor forma possível. E é por isso que, há muitas dúvidas relacionadas à depilação com cera no início da gravidez.

Sejam essas dúvidas relacionadas ao método, a quais trimestres é possível ou não fazer a depilação bem como os cuidados. Certo é que, a depilação para mulheres grávidas gera muitos questionamentos.

E é por isso que, neste texto iremos explicar qual o melhor método para depilação na gravidez. Além disso, explicaremos o passo a passo da depilação com cera, dicas e cuidados para as gestantes se depilarem.

Vamos lá?

Depilação na gravidez é possível?

Por se preocuparem com a saúde de seu filho, parte das mulheres se questionam se é possível ou não fazer a depilação na gravidez.

É comprovado que, é possível realizar o procedimento durante o período de gestação. Entretanto, são necessários cuidados. Tais como:

Evitar métodos de depilação não indicados

Durante a gravidez, não são indicados os métodos de depilação a laser e com cremes depilatórios. Ambos não devem ser realizados tanto no período da gestação, como também para a depilação para o parto.

Enquanto a depilação a laser pode escurecer ainda mais as áreas depiladas, devido ao escurecimento natural da pele neste período. Os cremes depilatórios tem em sua composição muitos produtos químicos que podem afetar a saúde da criança.

Você também pode optar em fazer a depilação a lâmina, os cuidados são redobrados para evitar qualquer corte indesejável e causar infeções e irritação da pele.

Evitar depilação nos três primeiros meses de gestação

Os três primeiros meses de gestação são os mais delicados para a saúde da mulher e do bebê. Logo, é necessário que a depilação seja evitada ao longo destes meses.

Depois do primeiro trimestre, é possível a realização da depilação na gravidez até o último mês de gestação.

Sempre consultar um médico.

É necessário, antes de realizar qualquer procedimento estético, consultar um médico para entender se a saúde da mãe e da criança estão bem equilibradas. Assim, não haverá nenhum risco para a gestação.

Agora que nós já sabemos quais são os cuidados necessários a uma gestante na hora da depilação. Iremos explicar o método de depilação com cera para gestantes.

Depilação com cera para gestantes

depilação com cera no início da gravidez

Dentre todos os métodos de depilação, a com cera quente ou morna, é o mais indicado por profissionais.

Isso porque, ao ser colocada na pele a cera quente ou morna faz com que os folículos se abram, facilitando assim a retirada dos pelos.

Visto que as mulheres grávidas tem a pele mais sensível, o método auxilia uma depilação segura e confortável.

Ainda assim, alguns cuidados essenciais devem ser tomados aqui. O primeiro deles, é o uso de materiais novos e descartáveis. Não se deve reutilizar nenhum dos produtos para mais de uma depilação.

Pois, isso pode trazer bactérias indesejáveis e inflamações para as gestantes.

Outro cuidado essencial, é o uso de ceras sem muitos produtos químicos. Pois, esses podem prejudicar a saúde do bebê. Para a depilação com cera, são recomendados produtos a base de mel e outros componentes naturais.

Nós recomendados aqui as ceras hidrossolúveis de coco ou maça verde.

Veremos agora o passo a passo para a depilação com cera para gestantes.

Como se depilar na gravidez sozinha: passo a passo

Além dos outros benefícios que citamos anteriormente, a depilação com cera é muito procurada por ser rápida e acessível.

Para as mulheres que ainda estão com dificuldades de como fazer o procedimento em casa sozinha, é possível  fazer em uma clínica especializada.

Se mesmo assim você desejar realizar o procedimento em casa não há grandes dificuldades.  Se precisar, peça ajuda de outra pessoa para visualização total de toda área a ser depilada.

Antes de começar o procedimento, faça uma esfoliação nas áreas que serão depiladas. Tenha cuidado na escolha dos materiais utilizados. Logo depois:

  1. Limpe a área depilada e se certifique de que ela está seca.
  2. No sentido em que os pelos estão crescendo, aplique camadas finas de cera.
  3. Para retirar a cera, puxe a folha no sentido contrário em que ela foi aplicada. Ou seja, no sentido contrário ao crescimento dos pelos.
  4. Não se esqueça de colocar a mão em cima do local depilado imediatamente depois da retirada da folha depilatória.
  5. Aplique um creme pós depilatório com efeito calmante.

Cuidados pós depilação com cera

Pronto! A depilação com cera faz com que os pelos demorem cerca de 20 a 25 dias para crescerem novamente. Não se esqueça também que, a área depilada pode ficar um pouco sensível, logo não deixe de passar cremes pós depilatórios e protetor solar.

Outros cuidados são: evitar exposição demasiada ao sol por 24 horas e uso de roupas largas ou de algodão.

Depilação na gravidez: cuidados

Seja para as mulheres que desejam fazer a depilação durante os meses de gestação ou para aquelas que querem se preparar para o parto. É importante lembrar que são necessários os cuidados básicos.

Pois, esse é um momento que requer cuidados e atenção da gestante. Logo, é necessário a procura de um médico para saber se sua saúde e a do bebê estão em boas condições. Bem como todos os cuidados que citamos anteriormente no período de pré e pós depilação.

Assim, a depilação na gravidez pode ser feita de forma totalmente segura e confortável para as futuras mães. Se você deseja saber mais sobre métodos de depilação, mais cuidados e dicas não deixe de conferir outros textos do nosso site.