Depilar a virilha com lâmina escurece

As manchas escuras na pele são sempre uma questão sensível para muitas mulheres, especialmente se forem causadas pela depilação.

Métodos como cera quente e lâminas de barbear podem danificar a pele, causando não apenas problemas temporários, mas também permanentes, como no caso de manchas.

A depilação só causa mancha da pele a partir do momento que danifica a região, o ato de raspagem, faz como que  a derme aumenta sua produção de melanina como forma de proteção. Isso pode acontecer tanto com a lâmina quanto com a cera.

Além disso, algumas áreas do corpo são mais sensíveis do que outras, como as axilas e a virilha, estas áreas escurecem mais facilmente.

Se você tá procurando como evitar ou quer amenizar o problema já existente. Vamos falar dos cuidados que você deve tomar e se policiar na sua rotina íntima.

Esfoliação na virilha antes da depilação

A esfoliação é um passo muito importante na hora da depilação íntima, além de evitar o pelo encravado, elimina as células mortas, abre os poros, deixando a pele mais macia e ajuda a lâmina deslizar facilmente no corpo.

Usar uma lâmina de qualidade

depilar com gilete escurece a virilha

Sempre se certifique que você está com uma prestobarba boa, de preferência nova. Sendo assim, você pode usar ela até dez vezes, mais que isso, ela perde o corte e você vai comprometer a sua depilação, podendo causar problemas como uma foliculite.

Faça a higienização após o uso, retirando o pelo entre as lâminas. O armazenamento tem que ser em um local seco, evite deixar o aparelho de barbear no box do banheiro ou local úmido, levando esses cuidados você vai evitar proliferação de bactérias.

Depilação na direção correta

Antes do processo propriamente dito, se os pelos estão muito grandes, você deve cortar com uma tesoura, sendo assim, você não vai raspar várias vezes a gilete no mesmo local, e consequentemente não vai agredir a pele.

A direção correta para um resultado eficaz é contra o crescimento do pelo, agora se a sua pele é muito sensível, especialista da Depila recomenda no sentido do crescimento do pelo, evita irritação e até pelo encravado.

Hidratar a pele depois da depilação

Como falamos anteriormente a depilação feminina com gilete e cera, elas são mais agressivas, deixando a pele mais ressecada  e vulnerável. Portanto, a pele exige uma hidratação pós depilatória.

Dar preferência a produtos que contenham elementos ativos como Aloe vera e calêndula, esses componentes ajudam a hidratar, resfriar e acalmar a pele após a depilação.

Atente-se em produtos que não possuam álcool na sua composição.

Usar protetor solar

A exposição ao sol após a depilação pode causar mancha escura indesejada na pele. Como precaução, o conselho é esperar pelo menos 24 horas para a exposição ao sol após a depilação.

É extremamente importante utilizar protetor solar (pelo menos com FPS30). O uso do protetor solar pode evitar manchas escuras surgirem na virilha ou qualquer outra parte depilada.

Cuidado, com roupas apertadas

depilar a virilha com lamina escurece a pele

No dia da depilação e nos dias seguintes ao procedimento depilatório, procure não usar calcinha apertada, use de  preferência  roupas mais leves, soltas ao corpo.

O uso de roupas apertadas após a depilação pode causar irritação da pele, deixando a área depilada mais propensa à irritação, foliculite e vermelhidão. As áreas mais sensíveis do corpo, como a virilha e a axila, são as que mais sofrem.

As roupas justas devem ser evitadas por duas razões: primeiro, o atrito entre a roupa e a pele sensibilizada acaba irritando ainda mais a região; segundo, roupas mais justas acabam impedindo a pele de respirar, facilitando o aparecimento de fungos e bactérias na região raspada.

Para evitar estes problemas, só dê prioridade às roupas mais confortáveis após a depilação.

Às vezes são alguns detalhes que fazem total diferença quando o assunto é depilação feminina. Sendo assim, o resultado será mais duradouros e uma pele livre de irritações, bactérias ou manchas.